AMTT INFORMA ALTERAÇÃO: Rua Fernandes Pinheiro será bloqueada na terça-feira para realização de recuperação asfáltica

Por Ana Bitencourt Maravieski
 
O bloqueio da via dependerá das condições climáticas para que a Secretaria de Serviços Públicos efetue a recuperação da rua
 
A Autarquia Municipal de Trânsito e Transporte (AMTT) informa que o bloqueio da via Fernandes Pinheiro foi alterado para terça-feira (16) devido as condições climáticas previstas para sexta-feira (12). A recuperação asfáltica será realizada pela Secretaria Municipal de Serviços Públicos (SMSP) caso haja uma melhora na previsão do tempo. Os agentes de trânsito estarão controlando o tráfego durante todo o período de manutenção e indicarão rotas alternativas para os motoristas.

A obra começará no período da manhã e abrange toda a extensão da rua, desde a Benjamin Constant até o seu término, na via Doze de Outubro. Os motoristas que trafegarem pela Avenida Vicente Machado serão orientados pelos agentes de trânsito para não subir a rua Benjamin Costant e poderão continuar no prolongamento da própria avenida.

Segundo o secretário municipal de Serviços Públicos, Márcio Ferreira, a alteração na data se deu pelo mau tempo. “Não temos como realizar a obra de recuperação asfáltica com chuva, por isso, alteramos a data e ainda esperamos que na próxima semana as condições climáticas estejam melhores”, comenta Ferreira.

O secretário ainda lembra que a ação faz parte do pacote de recuperações asfálticas anunciado para este ano.  "Este é o terceiro trecho que recebe as nossas equipes com este serviço neste ano. Já passamos pela Coronel Dulcídio e pelo entorno do residencial e praça Monteiro Lobato, e já temos mais de vinte agendamentos já garantidos", destaca Ferreira.

O presidente da AMTT, Roberto Pellissari, relembra que a obra para a recuperação da via será acompanhada pelos agentes de trânsito para manter o controle do tráfego. “Apenas reforçamos aos condutores, caso a obra seja realizada na terça-feira, que os mesmos utilizem as rotas alternativas que serão indicadas pelos agentes para, assim, não haver transtornos”, finaliza Pellissari.