EDUCAÇÃO E CULTURA: Escolas municipais recebem o 4º Festival Nacional de Contadores de Histórias

Rodrigo K.
Fotos: Vanderson Padilha
 
Alunos de 30 CMEIs e Escolas estão ouvindo e partipando das histórias contadas pelos artistas de todo o Brasil
 
Os alunos das escolas municipais de Ponta Grossa estão recebendo visitantes com muitas histórias para contar. Durante o 4º Festival Nacional de Contadores de Histórias, que está sendo realizado de 11 a 14 de junho pela Fundação Municipal de Cultura em vários espaços da cidade, 30 unidades escolares vão ouvir e participar das histórias dos contadores, nesta quarta e quinta-feira.
 
Nesta quarta-feira, uma das unidades visitadas pelas histórias foi a Escola Municipal Zahira Catta Preta, na Vila Cipa, onde mais de 100 alunos vibraram com os contos narrados pelos contadores Igor Moreira, de Palmeira, e Rosilda Figueiredo, de Belo Horizonte. Para a artista, os olhares trocados com a plateia estão entre as coisas mais importantes na relação entre as crianças e os contadores. Ela elogiou a participação dos alunos. “São crianças educadas, que participam de maneira cativante das histórias”, disse ela. “A contação é uma troca. A gente escolhe a história na hora, escutando o público e usando o repertório conforme eles estão”, comenta. “Eu fico sempre encantado com a disponibilidade que as crianças têm, sempre abertos para as histórias”, comenta Igor.
 
A aluna Gabriele de Faria conta que se empolgou com uma das histórias narradas. No conto ‘Qual o sabor da Lua?’, os alunos são convidados a usar a imaginação e a sensibilidade para “saborear” um pedaço do nosso satélite natural, trazido por um ratinho com a ajuda de outros animais. Que gosto tem? Segundo a história, “o sabor da lua é o sabor daquilo que a gente mais gosta. O meu pedaço da lua entao tinha gosto de chocolate”, conta Gabriele.