Agência da Cidadania atende mais de 500 pessoas no Santa Paula

Por Gustavo Ban
 
Dentre as opções, população recebeu atendimento da Agência do Trabalhador e pôde confeccionar carteiras de identidade e trabalho
 
 
 
Na tarde desta quinta-feira (28), o projeto Agência da Cidadania atendeu a população da região do Santa Paula, no bairro Contorno. A iniciativa que descentraliza serviços municipais e de instituições parceiras atendeu cerca de 500 pessoas, em nove serviços. Esta foi a 21ª edição projeto e a primeira realizada neste ano. Nos últimos dois anos, mais de cinco mil pessoas foram atendidas.

De acordo com John Elvis Ramalho, diretor da Agência do Trabalhador, órgão responsável pela organização da Agência da Cidadania, o número de atendimentos superou as expectativas. Foram realizados cerca de 100 atendimentos pela Agência do Trabalhador, confecção de 70 carteiras de identidade e 50 de trabalho, 60 cortes de cabelo, 30 auxílios da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), 32 orientações e produções de currículo, junto à Faculdade Sant’Ana e 20 atendimentos da Sala do Empreendedor sobre aberturas de MEI, além de direcionamentos da Sala de Qualificação Profissional e do Departamento de Assuntos Comunitários (DAC).

Para o secretário de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional (SMICQP), José Loureiro, levar os serviços municipais e de instituições parceiras em diferentes regiões do município é uma forma de atender de forma justa toda a população. “O projeto Agência da Cidadania é imprescindível para um município do nosso porte, justamente por descentralizar atendimentos e facilitar a informação e o acesso a serviços para as famílias que residem mais distantes da área central”, afirma.