Wosgrau: Habitação é desafio “urgente”

Durante solenidade de assinatura de convênio com a Cohapar para a construção de mais 156 unidades habitacionais no município, na manhã desta quarta-feira, o prefeito Pedro Wosgrau Filho disse que além dos investimentos em saúde e educação, a habitação popular deve ser vista como “desafio urgente”, por todos os governantes. O chefe do Executivo municipal agradeceu o apoio que vem recebendo do governo do Estado, através da Cohapar, e também do governo federal, pela Caixa Econômica Federal, que está financiando o novo conjunto habitacional na cidade. Wosgrau apontou que o grande desafio para o administrador público, hoje, não é obter recursos para aplicar na habitação popular, que são disponibilizados com relativa facilidade pelos organismos federais, mas sim “acertarmos a documentação, compra áreas e preparar os processos, até chegar ao início das obras”. Segundo o prefeito, um recadastramento feito no início do ano passado mostra que a cidade tem hoje uma lista de 7 000 pessoas, na fila da casa própria. Graças ao apoio da União e do Estado, no entanto, Wosgrau acha ser possível construir “um número muito significativo de casas”, nos próximos anos.

Wosgrau acompanha projetos de obras para Ponta Grossa

O prefeito Pedro Wosgrau Filho considerou “bastante produtiva” a reunião mantida na tarde de ontem (24) com o secretário estadual de Desenvolvimento Urbano, Luiz Forte Neto, em Curitiba. Na pauta do encontro, estava a discussão acerca dos financiamentos necessários para a execução de obras de vulto, no município de Ponta Grossa, a partir de projetos e garantias do governo estadual.

Capela do Centro de Ação Social é restaurada

Reformada e restaurada ainda na primeira gestão do prefeito Pedro Wosgrau Filho (1989-92) a capela do Centro de Ação Social, prédio de alto valor artístico e tombado pelo patrimônio histórico e cultural, está recebendo – pela primeira vez desde então – a atenção que merece. Operários trabalham desde o dia 9 de janeiro, em ritmo acelerado, para substituir toda a estrutura de cobertura da capela, bastante deteriorada pela falta de cuidado e pela ação de cupins. O secretário de Ação Social, Edílson Baggio, cujo gabinete fica no Centro de Ação Social, relata que os problemas na estrutura se agravaram e, logo após a posse, foi percebida a necessidade de uma reforma ampla, que só foi possível agora. Foi contratada, por R$ 50 000, a empresa Unisul, para promover a substituição integral do madeirame da cobertura e também de todas as telhas. Parte do madeirame, infestada de cupins, cedeu há alguns dias, expondo inclusive a parte superior do precioso forro de taipa, que contém pinturas valiosas e de grande valor histórico e artístico. Em vista disso, a área deteriorada foi coberta provisoriamente por uma lona e os serviços de recuperação iniciados.

Meio Ambiente vai orientar transportador de resíduos

Os empresários que atuam no transporte de resíduos em Ponta Grossa, objeto de questionamentos públicos em função da disposição irregular de entulho da construção civil em diversos pontos da cidade e por isso mesmo notificados reiteradas vezes pela fiscalização municipal, serão novamente orientados sobre os procedimentos a serem adotados. Na tarde de ontem (24) o secretário municipal de Agricultura e Meio Ambiente, Laertes Sidney Bianchessi, anunciou que vai reunir na próxima semana todos os empresários do setor, assim como representantes das entidades ligadas à construção civil e à defesa do meio ambiente, para tratar dessa questão. Laertes revela que no final de 2005 já houve uma reunião, justamente para tratar desse tema, mas cujos resultados não foram considerados adequados. “Naquela reunião, nós anunciamos que o município estava elaborando um plano de gerenciamento de resíduos, e quem quisesse poderia oferecer sugestões”, explica Laertes, complementando que, apesar da oferta, “ninguém fez qualquer sugestão”.

Cadastro atualizado garante entrega de carnês em casa

O secretário municipal de Finanças, Angelo Mocelin, disse ontem que os contribuintes que ainda não retiraram seus carnês do IPTU 2006 – perto de 40 000, de um total de quase 105 000 – não precisam se apressar. “Temos uma equipe inteiramente à disposição dos usuários para fazer essa entrega, na antiga sede da Afepon, e começando os atendimentos diários às 9h. Ninguém precisa se apressar, porque a entrega será feita até dia 8 de fevereiro, quando vence a primeira parcela, para quem optar pelo pagamento mensal, ou a quota única”. Mocelin disse ainda que as filas que se formaram ontem, primeiro dia da entrega dos carnês, devem diminuir gradualmente: “no primeiro dia há um volume maior de procuras, e também a necessidade de adequação de alguns sistemas de entrega. Acreditamos que nos próximos dias não só teremos filas menores como também um tempo de espera bem mais reduzido”. Para facilitar a localização e a entrega do carnê do IPTU, lembra o secretário, o contribuinte deve trazer o carnê do ano passado: “esses carnês contém informações que permitem sua localização muito rápida. Ajuda bastante, apresentar o carnê do ano anterior, e evita problemas, por exemplo, com contribuintes de nomes iguais, os homônimos”.

Convênio garante mais moradias subsidiadas

O prefeito Pedro Wosgrau Filho assina nesta quarta-feira, às 11h, durante visita do secretário estadual de Política Habitacional e presidente da Cohapar, Luiz Cláudio Romanelli, convênio para a construção de mais 152 unidades habitacionais no município. A solenidade acontece no gabinete do prefeito, na presença de representantes do órgão financeiro – a Caixa Econômica Federal – e do escritório regional da Cohapar em Ponta Grossa, além do presidente da Companhia de Habitação de Ponta Grossa, Raul Paulo Neto.

NOTA OFICIAL

A respeito da operação “Decadência Total”, desenvolvida pela Polícia Federal em Ponta Grossa, para apuração de delitos para os quais teria concorrido a participação de servidores públicos, a prefeitura municipal informa que foi comunicada, de parte do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS), ainda no mês de outubro de 2005, dos resultados de uma auditoria interna naquele órgão, que indicou suspeição de algumas certidões emitidas pelo poder público municipal. Esses documentos são designados, oficialmente, como “Certidões de Decadência de INSS de Obras de Construção Civil”. Tais certidões indicam que determinado imóvel foi lançado na planta de valores do município – e portanto está sofrendo a incidência de IPTU – há mais de dez anos. Com essa informação, o INSS deixa de promover a cobrança da averbação do imóvel.

Taxa de segurança tem desconto de 50%

Todos os lançamentos da taxa de segurança – uma das taxas de serviços públicos cobradas junto com o Imposto Predial e Territorial Urbano – terão 50% de desconto, informou nesta quinta-feira (19) o secretário municipal de Finanças, Angelo Mocelin. O desconto será aplicado, segundo ele, para reduzir o impacto de um aumento, estabelecido pela gestão anterior, ainda em 2004, que elevou substancialmente essa taxa. Esse aumento foi considerado excessivo pelo governo Wosgrau Filho, que solicitou autorização à Câmara para conceder um desconto de, pelo menos, metade do valor devido. O abatimento de 50% foi aprovado pela Câmara apenas no dia 23 de dezembro de 2005, e deveria ter sido incluído nos carnês do IPTU já impressos. No entanto, houve um lapso no lançamento dessa taxa, e o desconto de 50% - aplicável somente à Taxa de Segurança – não consta dos carnês. Para corrigir essa distorção, a Secretaria Municipal de Finanças está encaminhando por via postal a todos os contribuintes que já receberam seus carnês do IPTU, uma carta com orientações sobre como proceder. Esse comunicado será também entregue a todos os contribuintes que forem retirar seus carnês, a partir do próximo dia 23, na antiga sede da Afepon, em frente à Prefeitura.

Santa Paula tem parceria da SER para disputa do Estadual de Futsal

A participação do Santa Paula na Chave Prata do Campeonato Paranaense de Futsal está praticamente assegurada, com as parcerias que estão sendo fir-madas com a Secretaria Municipal de Esportes e Recreação (SER) e o Guarani Esporte Clube. Nesta quarta-feira, Milton Anfilo, diretor de Esportes da SER, esteve reunido com Tércio Miranda, Arnaldo Tozetto e Claudinei Batista Cos-ta, respectivamente manager, técnico e supervisor do Santa Paula, definindo os últimos detalhes em relação ao início da preparação do elenco, que além de disputar o Estadual estará representando Ponta Grossa nos Jogos Abertos do Paraná.

Secretaria amplia programa de qualificação profissional

Diante da necessidade imperiosa de oferecer condições de qualificação para a mão-de-obra em Ponta Grossa, a ponto de reaquecer o mercado de trabalho e abrir novas possibilidades para a massa atual de desempregados, o governo princesino mantém, como estratégia, a oferta de cursos básicos. O secretário de Qualificação Profissional, Luiz Simão Staszczak, revela que além dos cursos de operador de máquinas de costura e de modelagem em confecção industrial – destinados primordialmente à formação de mão-de-obra para alimentar as empresas do pólo de confecção – estão sendo oferecidos também, mediante convênio com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, cursos semelhantes para comunidades rurais.

23a FESUVA: Inscrição para candidatas termina dia 20

Estão abertas as inscrições para moças – solteiras, residentes em Ponta Grossa e com idades entre 16 e 25 anos e que tenham pelo menos o 1o grau completo – que querem concorrer ao título de Rainha da Uva de Ponta Grossa. O concurso ocorre paralelamente à 23a edição da Festa da Uva, que terá lugar no Complexo Ambiental, do dia 27 ao dia 29 de janeiro, promovido pela Associação dos Vinicultores dos Campos Gerais e pela Prefeitura de Ponta Grossa. As inscrições das candidatas devem ser feitas na sede do Sindicato Rural de Ponta Grossa – rua Theodoro Rosas, 1384 – até dia 20.

Seminário da Lei de Incentivo acontece no dia 7 de fevereiro

O 1º Seminário da Lei de Incentivo ao Esporte estará sendo realizado oela Secretaria Municipal de Esportes e Recreação (SER) no dia 7 de feve-reiro, a partir das 19 horas, no Centro de Cultura Cidade de Ponta Grossa. Poderão participar deste evento todos os clubes, ligas, associações despor-tivas e recreativas que pretendem se candidatar aos recursos oriundos da Lei de Incentivo ao Esporte.

Iniciadas obras de recuperação do Ginásio de Esportes Borell du Vernay

Desde segunda-feira estão sendo realizadas as obras de recuperação do Ginásio de Esportes Borell du Vernay, fechado desde setembro de 2003. Com cerca de meio século de existência, o principal palco do basquetebol paranaense sofre com a ação do tempo e a falta de manutenção. Uma verba federal de R$ 100.000,00 foi destinada pela deputada Selma Schons já há algum tempo, mas somente no ano passado, graças à intervenção do prefeito Pedro Wosgrau Filho, pôde ser liberada, com contrapartida de R$ 40.000,00 da Prefeitura Municipal.

Carnê do IPTU vai indicar existência de débito antigo

Os contribuintes do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) de Ponta Grossa, que devem começar a receber entre hoje e amanhã os carnês pelo correio, terão uma informação adicional este ano. Aqueles contribuintes cujos imóveis estão em débito junto ao município – seja por falta de pagamento do IPTU ou de qualquer taxa ou tributo incidente – receberão uma anotação, no verso da contracapa de seus carnês, de que aquele imóvel tem débitos pendentes. Segundo o diretor do Departamento de Receita da Secretaria Municipal de Finanças, Bruno Garofani, essa inclusão vinha sendo cobrada tanto pelos contribuintes quanto pela Câmara Municipal, e foi feita por determinação do secretário Angelo Mocelin.

Governo espera arrecadar R$ 16 mi

Com o pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano, que começa a ser feito no dia 8 de fevereiro, a prefeitura de Ponta Grossa espera arrecadar R$ 16 milhões, a maior parte disso através do pagamento em quota única, que oferece ao contribuinte desconto de 20%. A estimativa pertence ao secretário municipal de Finanças, Angelo Mocelin, que aponta ainda a outra opção, de pagamento parcelado em dez vezes, com prestações vencendo no dia 8 de cada mês. O secretário estima que este ano a maioria dos contribuintes vai, como faz tradicionalmente, pagar esse tributo em quota única. Só através dessa modalidade, a projeção da Secretaria de Finanças é de um ingresso entre R$ 10 e R$ 11 milhões.

Páginas

Subscrever Prefeitura Municipal de Ponta Grossa RSS