Programa Salve Celular contará com pré-cadastro para aparelhos novos

3 meses atrás em 19 de agosto de 2022 às 17:46, possui 298 visualizações até o momento

Medida visa inibir a prática de crimes de furto, roubo e receptação, bem como facilitar a recuperação do aparelho

Nesta semana, a Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos apresentou para a Secretaria Municipal de Cidadania e Segurança Pública a plataforma digital criada pelo Departamento de Informática, que será utilizada pelas lojas da cidade para que seja realizado um pré-cadastro do cliente que adquirir um aparelho smartphone, no Programa Salve Celular, da Prefeitura de Ponta Grossa.

De acordo com a secretária municipal de Administração e Recursos Humanos, Cliciane Garczarek, responsável pelo Departamento de Informática da Prefeitura, a regulamentação da Lei do Salve Celular trouxe a obrigatoriedade para os vendedores de celular realizarem o cadastro no sistema da Prefeitura, logo após a venda do aparelho. “O vendedor cadastra os dados do aparelho com IMEI, com o nome completo, telefone, endereço e e-mail do comprador”, explica.

Cliciane salienta que a partir deste momento, os dados ficam registrados para a consulta da Secretaria de Cidadania e Segurança Pública, mas ao mesmo tempo é disparado para o e-mail do cidadão que comprou o aparelho, um link para concluir o cadastro. “Caberá ao munícipe aderir ao Programa Salve Celular ou não”, disse a secretária.

Tânia Sviercoski, secretária municipal de Cidadania e Segurança Pública, destaca a importância da adesão da comunidade ao sistema, que busca inibir não só o furto como também a receptação e comércio de aparelhos roubados. “A inclusão dessas informações e a ampliação dos cadastros no Programa Salve Celular contribuem para que as forças de segurança consigam desempenhar um trabalho mais eficiente na identificação de aparelhos roubados e na entrega dos dispositivos recuperados aos seus donos. Sabemos que hoje os celulares são utilizados como moeda de troca por criminosos e a existência de um banco de dados que permita a consulta tanto pelos cidadãos quanto pelas forças de segurança dificulta a circulação desses itens, impactando diretamente na cadeia criminosa e contribuindo para ampliar a segurança da população”, finaliza.

O Programa Salve Celular é uma iniciativa oriunda do Ministério Público do Paraná, por meio do promotor de justiça promotor de Justiça, Jânio Luiz Pereira, em parceria com a Prefeitura de Ponta Grossa, em que um cadastro utiliza informações do aparelho celular e do seu proprietário com o objetivo de inibir a prática de crimes de furto, roubo e receptação de smartphones, bem como facilitar a recuperação do aparelho e ajudar na investigação criminal.


Galeria de fotos: